Como eu fiz para emagrecer de maneira definitiva pode ser analisado através de fotografias e doenças relacionadas com obesidade e sobrepeso. Então, os períodos em que fui mais magro são os de viagens dos tempos de jovem, quando tinha pouco dinheiro e comia mal e barato, senão faltava para o transporte e estadia. Em especial durante os 5 anos quando morei em Londres. Foi a única época da vida que pessoas que iam visitar comentavam minha magreza. As roupas da época são as menores da minha vida de adulto. Também foram os únicos anos em que a hérnia de hiato ficou assintomática. O dinheiro era contado, eu não sabia cozinhar, restaurantes eram caríssimos.

Não há dúvida que atividade física tem muito a ver com peso, e com como eu fiz para emagrecer de maneira definitiva. Quando jovens circulamos por todo lugar, brincamos, corremos, jogamos, fazemos tudo a pé, usamos transporte público. Os londrinos, nova-iorquinos e parisienses são magros, pois são obrigados a usar o transporte público, o que significa andar, especialmente nos túneis do metrô de Londres. Mais adiante na vida, assim como em cidades americanas e do interior em qualquer país, passamos a usar carros e a ficar em casa lendo ou nas telas.

A solução, claro, é a atividade esportiva do adulto repor a mobilidade dos jovens. Um exemplo recente ocorreu quando, devido a vender uma casa de praia de 600m2, eu acabei machucando as costas. Ao invés de passar 1-3 fins de semana por mês circulando nesta enorme casa, carregando escada e materiais para cima e para baixo 3 andares para arrumar as coisas, andando de bicicleta na praia, buscando madeira para a lareira na padaria, vim a passar o fim de semana na Netflix em um apartamento central em Curitiba.

O resultado foi um aumento de 15kg de peso em três anos, apesar de manter uma dieta mediterrânea com poucos luxos e festas. Ao pesar 108kg, com os mesmos 1m75 de altura que tenho desde jovem, inchei muito e saí do controle da hipertensão arterial.

Imagens de agosto de 2018 e setembro de 2019

Em setembro de 2018 voltei a nadar, o que inclui andar do estacionamento à piscina do clube. Para emagrecer de maneira definitiva passei a almoçar salada e jantar controlado. Assim baixei para 96kg, 9-10 kg em 6 meses. O peso exato variava por que uns 3-4kg dos 108 kg iniciais eram inchaço de sal, melhorava com Lasix endovenoso.

Mas então empacou em 96kg, e não perdi nada do carnaval até abril de 2019, quando radicalizei. Dobrei a atividade física. Já estava melhor preparado e foi muito mais fácil com o peso de 96kg do que com 105-108kg. Passei a controlar cada caloria. Logo descobri que quando ingeria menos de 2000 Kcal por dia o peso ficava estável ou diminuía. Tanto no dia quanto na semana. Quando ingeria 3000kcal aumentava. Note que isso é muito pouco. Um churrasco completo, seja com a família ou em restaurante, já dá bem mais que 3000kcal. Cortei isso completamente, assim como todos os pequenos e grandes luxos: o amendoim japonês tão querido desde minha infância; os chocolates ocasionais acompanhando meu filho adolescente; os 4 ou 5 pães de queijo mensais quando enchia o tanque do carro no posto. E baixei o peso para 90kg em agosto. Ou seja, perdi entre 15 e 20kg em 12 meses.

Porém, ainda estou a 5-6 kg de deixar a obesidade e passar para o sobrepeso, que vem com o índice de massa corporal de 28. O como eu emagreci precisa continuar. Aprendi o caminho, é só manter a conduta.

Com meus 1m75 preciso chegar a 85kg. Deve ser quando minha circunferência abdominal se tornará decente. Estava em 116cm com 108kg de peso, 103cm com 90kg. Ficará decente com 95cm. Como uma salada grande e forte no almoço, com 3 maçãs. E outra salada pequena com um prato congelado light ou feito pela diarista, com meia garrafa de vinho, no fim da tarde. Fico em jejum de 20h até 13h todos os dias. Não tenho nenhum luxo alimentar, talvez desde comemorar que um filho passou no vestibular em fevereiro, quando ainda estava com 96Kg. Faço 4-6 sessões de exercício de 1h de duração semanais, entre bicicleta, andar e nadar.

Dr Paulo Bittencourt

Compartilhe este artigo: